domingo, 25 de abril de 2010

A Força do Cinema Paraense: 1ª Mostra de Cinema Marajoara.

Apesar de ter nomes de várias "entidades" envolvido no projeto, estamos contando apenas com a ajuda no transporte, hospedagem e alimentação da equipe de cineclubistas que estão realizando a idéia de levar filmes que foram rodados no Marajó para o próprio povo marajoara conhecer, entre eles o filme de Líbero Luxardo "Marajó, Barreira do Mar" de 1964.
O Museu do Marajó promoverá no período de 24/04 a 01/05 a 1ª Mostra de Cinema Marajoara no município de Cachoeira do Arari/Marajó e privilegiará filmes que tenham sido rodados no arquipélago.
Cena do Filme Marajó Barreira do Mar de Líbero Luxardo, filmado em 1964.
A programação contará com obras raras como o filme “Marajó - Barreira do Mar” de Líbero Luxardo e lançamentos dos documentários “O Ajuntador de Cacos” de Paulo Miranda, “Sou teu Maninho - Um grito Marajoara” de Daniel Corrêa - selecionado no Projeto Revelando os Brasis - e “O Glorioso”, com direção, fotografia e edição de Gavin Andrews e que contou com a participação da equipe de pesquisadores do IPHAN, além de outros filmes de cineastas paraenses e estrangeiros.
Cena do Filme "O Glorioso"
Além da exibição dos filmes da Mostra, serão realizados workshops de Produção de Vídeo, Cineclubismo, Mídias Sociais e Elaboração de Projetos e Captação de Recursos, na qual, haverá elaboração prática de projetos para o MINC, além de palestras correlacionadas com o cinema e o Marajó.

A 1ª Mostra de Cinema Marajoara foi pensada para interagir com as homenagens pelo aniversário do Padre Giovanni Gallo, que este ano completaria 83 anos no dia 27/04.

Serviço:

1ª Mostra de Cinema Marajoara.

Filmes, Workshops e Palestras.

De 24 de Abril a 01 de Maio de 2010.

Município de Cachoeira do Arari.

Promoção: Museu do Marajó.

Apoio: Governo do Estado do Pará e Prefeitura Municipal de Cachoeira do Arari.

Parcerias: IPHAN, AMAM, Irmandade de São Sebastião de Cachoeira do Arari, Produtora Lux Amazônia, Argonautas, CEPEPO, Cineclube Invonacine e Revista PZZ.

Curadoria: Diógenes Brandão.

Nenhum comentário: