terça-feira, 15 de junho de 2010

Lula sanciona reajuste de 7,7% a aposentados e pensionistas.


O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, decidiu nesta terça-feira (15) sancionar o reajuste de 7,72% aos aposentados e pensionistas que recebem mais de um salário mínimo e vetar o fim do fator previdenciário.O anúncio foi feito pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega
“O presidente resolveu vetar o fim do fator previdenciário e sancionar o aumento de 7,72% e nos liberou para fazer cortes que vão compensar o aumento de R$ 1,6 bilhão este ano [que será gerado com a diferença entre o 6,14% e 7,72% no Orçamento da União", afirmou o ministro.
Mantega explicou que o presidente autorizou a equipe econômica a mandar para o Congresso, se necessário, emendas para manter a solidez das contas públicas. O ministro ressaltou que a preocupação central é manter o equilíbrio fiscal do governo.
O líder do governo na Câmara dos Deputados, Cândido Vaccarezza (PT-SP), que acompanhou Mantega, afirmou que a decisão não se baseou nas eleições, mas em uma demanda popular. “Foi criada uma expectativa muito grande. Mas não prevaleceu nenhuma decisão política. Não tem nada a ver com as eleições. [Se fosse vetado] teria de se fazer uma nova medida provisória, que só seria votada em agosto", falou.
A proposta original do governo era de um reajuste de 3,5%, mas depois de um acordo com as centrais sindicais e entidades dos aposentados, ficou definido o índice de 6,14%. No Congresso, a medida provisória recebeu duas emendas, a do fim do fator previdenciário e a elevando para 7,7% o aumento.
Ontem (14), em evento em Minas Gerais, Lula afirmou que não pretendia estragar a sua boa relação com os trabalhadores aposentados.

Um comentário:

jpblack disse...

mesmo com o "sem dedo" aprovando essa migalha, nunca mais votarei no pt e levo comigo parentes e amigos solidários com os aposentados. o PSDB tambem não levará o meu voto, pois tudo começou com o covarde do FHC. esse lula ainda sacaneia todos os aposentados afirmando que "não pretendia estragar a sua boa relação com os trabalhadores aposentados". isso é um "soco" na nossa cara. o pior é que não é só ele que tripudia sobra a nossa desgraça. um jornal de grande circulação no país coloca uma matéria que ensinará aos aposentados como gastar essa imensa FORTUNA. o trabalhador brasileiro que se aposenta após anos a fio contribuindo com o engrandecimento do país, e quando chega a hora do merecido descanso, além de ver seu benefício minguar, tem que aturar tanto o presidente quanto a imprensa tirar sarro com a sua cara, é demais. NINGUEM MERECE TAMANHA HUMILHAÇÃO.