domingo, 9 de maio de 2010

Prefeito Eslon rasga Lei Orgânica do Município de Capanema. Ele também é do 22.


Os vereadores comediantes, Edson Maciel – PV, Eliane Leal - PRTB, Irmão Marcos – PR, Oscar Ishii – PRTB, Carioca – PMN, Pedro Abraão - PP e Rubens Anselmo - PR, se superaram mais uma vez ao assistirem incólume Eslon Aguiar – PR, prefeito de Capanema, nomear para o cargo de secretário de comunicação social um “contista” que não reside no município há cinco anos, pelo menos, como exige a Lei Orgânica do Município
A seção VIDos auxiliares diretos do prefeito municipal , no art. 76, diz que “A função de secretário municipal, ou equivalente, só poderá ser exercido por pessoa idôneas, preferencialmente com residência fixa, comprovada,por mais de cinco anos, no município”.

Segundo o repórter Pedro Paulo, titular do Programa Comando Total [TV Amazônia] veiculou uma entrevista, onde mostra um oficio com a rubrica do secretário de comunicação social da prefeitura.

Como tudo passa pela silenciosa, cega, amordaçada, dominada, submissa, ajoelhada, norteada, casa de “Leis”, não me assustarei se mais uma vez o assunto parar no vaso sanitário do parlamento municipal.

Nenhum comentário: