segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Tembés protestam contra perseguição politica

A nação dos índios Tembé,  ocupou nesta segunda-feira (19) o prédio da prefeitura municipal de Santa Luzia do Pará, realizando um protesto contra a decisão da câmara de vereadores que afastou o prefeito Lourival Fernandes de Lima (PT), reintegrado ao cargo na terça (13), depois de 09 meses afastado do mesmo.

Os manifestantes só deixaram o local, depois de ter conseguido a ata da sessão da câmara municipal, que deliberou sobre o novo afastamento do prefeito eleito pelo povo luziense. Com o sucesso na missão, os indígenas cantaram e dançaram ao deixar o local. 

Na saída da prefeitura, os Tembés encontraram resistência por conta de partidários e cabos eleitorais do vice-prefeito Zaqueu Salomão, que esteve a frente da administração publica nos últimos 09 meses. 
O clima tenso foi controlado com a chegada da Polícia Militar e o retorno da tribo que foi escoltada pela polícia até a aldeia que é localizada no alto rio guamá, pertencente ao município de Santa Luzia do Pará. De acordo com a policia civil, um inquérito foi aberto para apurar a motivação do ato, no entanto a investigação deve ser feita no sentido apurar se houveram motivadores de ambos os lados, pois os índios manifestaram-se de forma pacifica, saindo do controle em alguns momentos e o partidários da conhecida família 22 os atacaram com pedra, pau e ovos. 

Nenhum comentário: