terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Uma cidade em busca de um doador compatível

Por @rogeriocorrêa13  
Cerca de 300 pessoas passaram hoje (06) no Salão Paroquial de Santa Luzia do Pará, com o objetivo de realizar o teste de compatibilidade para doação de medula óssea ao garoto Luziense Antônio Gabriel, que esta com Leucemia e precisa desta doação urgente.

A solidariedade dos moradores da cidade morena foi um fator muito comentado hoje em Santa Luzia, pois a ação que foi realizada pela equipe do Hemopa / Capanema, foi um grande sucesso, superando as expectativas de publico.

Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde poderá doar medula óssea. que é retirada do interior de ossos da bacia, por meio de punções, e o doador se recompõe em apenas 15 dias.

Os doadores preenchem um formulário com dados pessoais e é coletada uma amostra de sangue com 5ml para testes. Estes testes determinam as características genéticas que são necessárias para a compatibilidade entre o doador e o paciente, sendo que os dados pessoais e os resultados dos testes são armazenados em um sistema informatizado que realiza o cruzamento com dados dos pacientes que estão necessitando de um transplante.

Em caso de compatibilidade com um paciente, o doador é então chamado para exames complementares e para realizar a doação, o que seria muito simples e fácil, se não fosse o problema da compatibilidade entre as células do doador e do receptor. A chance de encontrar uma medula compatível é, em média, de UMA EM CEM MIL!

Para o doador, a doação será apenas um incômodo passageiro. Para o doente, será a diferença entre a vida e a morte, o ato de doar medula óssea é um gesto de solidariedade e de amor ao próximo.

Por isso é muito importante que sejam mantidos atualizados os dados cadastrais para facilitar e agilizar a chamada do doador no momento exato. Para atualizar o cadastro, basta preencher este formulário.

Nenhum comentário: