domingo, 23 de outubro de 2011

Qual o papel da imprensa?

A mídia e a imprensa têm um papel fundamental, a imprensa precisa ser livre, forte e independente em transmitir informações. Em um Mundo Democrático, a liberdade de opinião, a liberdade de informações é de uma importância incalculável e não é por a caso que nos Países onde existem o regime totalitário a liberdade é a primeira vitima.

Aqui no Brasil a impressa e a mídia estão concentradas nas mãos de alguns setores da Sociedade que passam ser o porta-vozes de um determinado Grupo que até hoje não se conforma do Brasil ter sido governado por duas vezes por um Operário o senhor Luiz Inácio Lula da Silva que transformou o Brasil em um País melhor passando a ser Doutor quando recebeu o título de doutor honoris da Universidade de Coimbra e conseguiu um fato histórico em apoiar e eleger Dilma Rousseff a Primeira Mulher Presidente deste País.
Boa parte da mídia tentaram de todas as maneiras possíveis desestabilizar o Governo Lula, há todo momento nos principais jornais e redes de televisão estavam denuncias de corrupção dando a entender que foi no Governo Lula que surgiu a corrupção no Brasil, a corrupção não é só um problema dos brasileiros ela é mundial, ela afeta todos os Países, seja aqui ou seja na China, tantos os Países desenvolvidos como os Sub-desenvolvidos. O Governo Lula foi atacado dia e noite, quando merecia elogio a mídia publicava uma pequena matéria ou pronunciava duas palavras e só.
Quando os principais meios de comunicação tentam passar a imagem do PT, Lula, Dilma ou todos juntos e que a culpa pela corrupção é desse partido, é importante lembrar que o Governo Lula fez mais que todos os outros governos anteriores em combater a corrupção, a Nossa Presidente Dilma Rousseff vem seguindo o mesmo caminho com determinação.
No Governo Dilma esta acontecendo a mesma coisa, a imprensa e a grande mídia, tendo como a principal defensora da moralidade pública a Revista Veja que estampam em suas capas os ‘grandes escândalos de corrupção do Governo Dilma” a revista faz ataques exagerados ao Governo e faz sem nem um pudor a defesa de políticos tucanos. Essa revista que a partir de 2005 se perdeu completamente em reportagens que ignoram a regra da ética, suas matérias muitas das vezes são recheadas de ataques e manipulações de informações, foi a Revista Veja com suas tentativas frustradas de tentar derrubar o Governo Lula. Não conseguiu, o problema dessa revista na minha opinião é que ela se transformou em um panfleto político-partidário, abandonou por completo o jornalismo, ao tentar desqualificar o governo Lula começou a perder a credibilidade. Imparcialidade, não existe mais. Eu fui um dos muitos que deixaram de ser assinantes desta revista, e não me arrependo. Não estou aqui dizendo que não houve erros no Governo Federal e que ainda não há, pelo contrario há erros que precisam ser apurados, mais Eu digo que uma coisa é fazer criticas ao Governo e cobrar moralidade pelas coisas públicas e outra coisa é cometer os abusos e partir pro vale tudo como tem feito essa revista que chega ao ponto de um repórter seu, tentar invadir o apartamento do ex-ministro José Dirceu sobre a justificativa de estar cumprindo com obrigação de “informar”. Como disse antes a imprensa precisa ser livre, forte e independente, por que sem liberdade Ela não cumpriria o seu papel de informar, porém essa liberdade não pode permitir jamais que outros direitos da Pessoa seja transgredida que é a inviolabilidade da honra, da vida privada e da imagem.

É bom sempre, nós questionarmos do porque esta notícia esta na primeira página, e capa de tal revista, ta dando plantão na TV? É importante sempre conhecer a fonte da informação, pesquisar outras fontes. Conheço várias pessoas que pensam que estão bem informadas, que são os “Reis da verdade” que sabem de tudo, Eles só compram a Revista Veja, só compram o Jornal O Liberal, e só assistem a Globo acreditando que estão bem informados, triste engano.
Por José Raimundo Nascimento Oliveira.

Nenhum comentário: