terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

CPI do Trabalho Escravo.

O Deputado Cláudio Puty, continua coletando assinaturas para a instalação da CPI do Trabalho Escravo. A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) tem como finalidade apurar, em 120 dias, a exploração do trabalho escravo nas atividades rurais e urbanas do país. Investigar os crimes relacionados ao trabalho escravo.
Na semana passada, reuniu com a ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, que colocou à disposição dos parlamentares a experiência acumulada pela CONATRAE - Comissão Nacional para a Erradicação do Trabalho Escravo, que é um órgão interministerial ligado à Secretaria de Direitos Humanos e presidido pela Ministra.
No início deste ano, a "lista Suja" do Ministério do Trabalho e Emprego registrou mais 88 infratores.Os registros da Secretaria de Inspeção do Trabalho somam um total de 220 empregadores, entre pessoas físicas e jurídicas, que exploram o trabalho escravo em suas atividades econômicas.
Virá em boa hora, portanto, a CPI do Trabalho Escravo.

Nenhum comentário: