quinta-feira, 19 de agosto de 2010

blog do zé

Arquivo de 8/2010

É ótimo o estado de saúde de nossa candidata
Publicado em 19-Ago-2010

Dilma Rousseff está curada do câncer linfático do qual se tratou no ano passado. A confirmação foi reiterada mais uma vez, agora pelo check-up a que ela se submeteu na noite de ontem no Hospital Sírio-Libanês de São Paulo com os médicos Roberto Kalil Filho, cardiologista, Paulo Hoff, oncologista clínico, e Yana Augusta Sarkis Novis, hematologista.

Nossa candidata submete-se a check-ups períódicos nos prazos estabelecidos por seus médicos, e ontem fez exames de imagem mais detalhados. Os resultados saíram na hora, tranquilizadores, indicativos de que aquela é mais uma fase superada com sucesso por ela.

O bom dessa história é que ela decidiu agir com a máxima transparência nessa questão e sempre mantém a população informada sobre esses exames e seus resultados. É uma postura oposta a adotada por outros políticos que, no passado, guardavam a sete chaves doenças e tratamentos a que se submetiam.

|
Dilma e Marina derrotaram tucano no debate
Publicado em 19-Ago-2010

O presidenciável José serra (PSDB-DEM-PPS) perdeu o debate promovido pela Folha/UOL - ontem - para as adversárias, nossa candidata Dilma Rousseff (governo-PT-partidos aliados) e para a do PV, senadora Marina Silva (AC).

Perdeu no embate de idéias, no que falou e no que deixou de falar sobre programa de governo que não tem para o país, e perdeu ao reforçar sua imagem agressiva e de desespero. Durante todo o debate ele não escondia o nervosismo e a impaciência, um retrato presente do estado atual de sua campanha.

Abandonado pelos aliados nos Estados, principalmente no Nordeste e em São Paulo, Minas, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul - ou seja nos principais e maiores colégios eleitorais do país - sem palanques e em queda nas pesquisas, José Serra escolheu o caminho ladeira abaixo. A trajetória de sua candidatura é nítida nesse rumo.

Fantasia rasgada

Aos poucos ele vai rasgando a fantasia, negando seu passado e rumando em direção ao abismo. Pode perder não apenas a eleição. Já perdeu a compostura e pode perder a dignidade. Imaginem o Serra dizendo que não alimenta paranóias!

Foi a resposta que deu quando os jornalistas o questionaram sobre o abandono a que foi relegado pelos aliados do Oiapoque ao Chuí - não o mostram nem o citam na propaganda eleitoral do rádio e da TV, nem colocam seu nome no material de campanha.

Quem o conhece sabe que é exatamente o contrário, particularmente com noticias a seu respeito. Basta uma notinha numa coluna de um jornal para a paranóia se instalar, ele partir para mil interpretações de perseguição e ligar para o dono do veículo ou seu editor-chefe pedindo a cabeça do jornalista.

Nenhum comentário: