terça-feira, 13 de julho de 2010

Marina defende expulsão de prefeito do PV que apoia Dilma, mas não impede Gabeira de apoiar Serra.

A candidata do Partido Verde (PV) à Presidência da República, Marina Silva, defendeu hoje (12) a decisão do diretório estadual do partido de suspender o prefeito de Itapira, Antonio Nicolai, o Toninho Belini, pela participação em evento de apoio à candidata do PT, Dilma Rousseff. O caso está sendo analisado pela comissão de ética do partido e pode terminar com a expulsão do prefeito.

Segundo Marina, o PV agiu em cumprimento à fidelidade partidária, questão prevista na legislação eleitoral. “Acho que é o cumprimento daquilo que é a fidelidade partidária. É isso o que todos os partidos fazem, é isso o que a legislação eleitoral manda, de que os candidatos e as lideranças políticas que foram eleitos por aquele partido e por aquele programa sejam coerentes com seus partidos e com seus programas", disse. (Da Agência Brasil)

Comentário: Porém, ela não pede a expulsão de Gabeira, no Rio de Janeiro, que apóia José Serra (PSDB).

Nenhum comentário: