sexta-feira, 18 de junho de 2010

REFLETINDO SOBRE A PAZ.

Mensagem do Prefeito de Santa Luzia do Pará, aos participantes da manifestação da Paz.

Ao pensarmos no tema PAZ obrigatoriamente vamos imaginar sobre o que isto significa. Na história da humanidade sempre vamos ler, mesmo no Antigo Testamento sobre as guerras entre as tribos, sobre as riquezas acumuladas, o desenvolvimento do mundo sempre esteve associado a muita violência.

Para um povo ficar mais rico, tinha de guerrear com outro povo, guerras civis, guerras por território, guerras por riquezas, por petróleo, etc. E tanta violência continua até hoje.

Os Estados \Unidos com seu poderio bélico dominam com hegemonia o Conselho de segurança da ONU, e lembremos recente da guerra do Iraque, a violência entre Israel e o povo Palestino, etc.

Lembremos ainda que no mundo das drogas, os cartéis da Colômbia e de outros países da América Latina são parceiros e associados de grandes empresas e até de governos. Políticos são eleitos com dinheiro do narcotráfico. A droga causa dependência e muita violência.

A distribuição da renda e da riqueza, a situação social que apresenta uns muito ricos e a maioria muito pobre, a situação estrutural da maioria dos países, promove violência: gangues, assaltos, brigas, morte nas escolas, a violência vai dos pequenos roubos até os grandes assaltos, seqüestros, controle de cidades e bairros. Existe uma situação de violência que financia e defende a manutenção de guerras e de muita violência. Todos os envolvidos pela violência são contra a paz.

Quero transmitir a nosso povo, que tome consciência sobre esta realidade, todo indivíduo que prega a discórdia, que levanta falso testemunho, que incentiva o erro, que é contra a democracia, é em potencial um inimigo da paz. O que transcrevo nesta mensagem é a comprovação de que a violência está relacionada à riqueza e ao poder. Portanto, todos que lucram com a situação de violência é um promotor do que acontece na sociedade.

Vivemos numa região onde a violência é forte, somos vizinhos da cidade de Capanema e estamos localizados numa região de fronteira, portanto, somos vítimas do acesso de muitos marginais. O povo Cristão que ama a PAZ, deve rejeitar a ação de politiqueiros e das fofocas de pessoas, que não tem nenhum compromisso com um mundo de paz.

O Presidente Lula e a governadora Ana Júlia têm investido muito em Segurança Pública. Depois de muitos anos sem nenhum investimento no contingente policial, a Governadora promoveu concurso e contratou mais de 1.500 policiais, adquiriu mais de 1.200 viaturas para dar suporte à segurança da população, reformou delegacias e construiu novas, além do que, executou políticas públicas de educação, Pro Jovem, geração de trabalho, emprego e renda, microcrédito, parta garantir inserção sócio-econômica, buscando diminuir a violência e promover a Paz no Pará.

No governo do PT, no Brasil são de 11 milhões de bolsas famílias, 1 milhão de jovens no Pro Uni, mais de 11 milhões de empregos de carteira assinada, entretanto as disputas políticas, as guerras, o poder econômico continua financiando a violência. Nossa tarefa é continua pela PAZ, um mundo de justiça, de igualdade, um mundo cristão e solidário é possível.

QUEREMOS PAZ E MUITA SOLIDARIEDADE.

Lourival Fernandes de Lima.

Prefeito Municipal de Santa Luzia do Pará.

3 comentários:

Anônimo disse...

Gostei muito do seu gesto, neste momento em que todos nós estamos vivendo um período crescente da violência. Parabéns Prefeito Louro.
Sandra Bahia - Guarulhos/ SP.

Anônimo disse...

mobilizar a sociedade para lutar pela paz deve ser um compromisso que vá além de uma caminhada. Vamos deixar de ser narcizistas e demagogos. Na bíblia vemos que os sumos sacerdotes e fariseus ficaram contra Jesus e usaram o antigo testamento, para ignorar Jesus Cristo, ficaram ao lado dos dominadores romanos. Por aqui a autoridade eclasiástica fez sua opção, escolheu o lado dos poderosos e dos hipócritas, deve ser criticada por suas opções, pois é um líder religioso de uma Igreja que mobiliza 80% da população.
Ficar aolado de quem é aliado da violência, acompanhar-se de pessoas que em seu curriculo já comedteram atrocidades contra os pobres, defender o indefensável, não é digno de dirigir a fé de um povo decente e que luta incansável pela PAZ, pela frasternidade, pela justiça.
Parabenizo o Prefeito Louro por sua reflexão, que vai além dos limites do município demonstrando que a violência não nasce em santa Luzia, somos vítimas do modelo de sociedade capitalista que vive às custas da miséria e da exclusão do povo. VIVA A DEMOCRACIA, VIVA A PAZ.

Anônimo disse...

sonhar não faz mal,prefeito louro vamos clariar as nossas ruas.