segunda-feira, 8 de março de 2010

Feira de Produtos Orgânicos reúne 22 pequenos produtores.


Em Belém, na praça Batista Campos, é possível encontrar alimentos obtidos em sistema de produção onde não são utilizados fertilizantes sintéticos solúveis, agrotóxicos e transgênicos. Os produtos mais seguros para o consumo foram oferecidos em mais uma edição da Feira de Produtos Orgânicos, neste sábado (6), que teve a participação de 22 pequenos produtores da Região Metropolitana de Belém e municípios vizinhos. A feira é realizada desde 2008 e a partir de março acontecerá duas vezes ao mês. A próxima edição será dia 20, no mesmo local.
Em municípios como Benevides, onde na Cooperativa Agropecuária Mista (Coopaben) 48 produtores estão reunidos, a produção de alimentos orgânicos tem sido bem desenvolvida e com retorno às famílias. As folhas verdes (alface, jambu, salsa, coentro, maniva, entre outras); as frutas, como cupuaçu, maracujá e acerola, e as galinhas caipiras foram oferecidas na feira. "Nossos produtos não têm agrotóxicos. Já temos algum retorno, mas estamos em busca de mais mercado. Nossa cooperativa ainda é bebê, foi criada em abril de 2008", disse a produtora Eulina Duarte. Ela acrescentou que a cooperativa vende os produtos na comunidade de Benevides, além de bares e restaurantes.
A feira também atrai grande número de compradores do bairro Batista Campos e arredores, como o publicitário Costa Júnior, morador do bairro da Campina. Frequentador assíduo das feiras de produtos orgânicos, ele aponta três questões fundamentais para manutenção de espaços de comercialização desse tipo. "Primeiro, levo em consideração a saúde, porque sabemos que os outros produtos que consumimos têm agrotóxicos. Segundo é o apelo ecológico que esse tipo de agricultura possui; e terceiro é o próprio apoio que se dá à agricultura familiar", disse, ressaltando que ainda são poucas opções de locais de comercialização de produtos orgânicos em Belém.
A professora Rose Lopes aprecia a qualidade dos produtos orgânicos. "Estava caminhando na praça com meu esposo e decidimos parar para olhar os produtos da feira. Temos interesse nesses produtos, mas é a primeira vez que viemos conferir. Pelo formato e tamanho dos produtos, sabemos que realmente são orgânicos", afirmou. Na sacola, ela levou para casa compota de pupunha caramelada e doce de cupuaçu.
Produtos orgânicos - São características fundamentais na produção orgânica as responsabilidades social e ambiental. Os sistemas orgânicos de produção têm como base os princípios agroecológicos que contemplam o uso saudável e responsável do solo, da água, do ar e dos demais recursos naturais, de modo a reduzir as formas de contaminação e o desperdício desses elementos, contribuindo para o desenvolvimento sustentável. As propriedades orgânicas buscam diversificar e integrar a produção de espécies vegetais e animais, com o objetivo de criar ecossistemas mais equilibrados e que ajudem a manter a biodiversidade.
Na Feira de Produtos Orgânicos, havia produtores de diversos municípios paraenses, como Bragança, Marituba, Capitão Poço, São Francisco do Pará, Santa Bárbara, Barcarena, Acará e dos distritos de Mosqueiro e Cotijuba. Nas barracas, foram vendidos legumes, frutas, hortaliças, compotas, alimentos integrais, pães, biscoitos, galinha caipira e artesanato. Na edição anterior, a feira movimentou R$ 9 mil. A programação tem o apoio da Secretaria de Estado de Agricultura (Sagri), da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e da Prefeitura de Belém.
Fabíola Batista - Secom.

Nenhum comentário: