quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Caos e medo em São Paulo.

A São Paulo de Kassab e Serra é palco diário de protestos, de caos, de terror. Nunca antes se viu nesta cidade tanta sujeira, tantos bueiros entupidos, tanto lixo nas ruas, avenidas, praças e jardins. Bueiros sem tampas, sem grades, ruas esburacadas e intransitáveis. São Paulo assistiu a protestos dos estudantes da USP contra o Serra, protestos dos professores contra o Serra, protestos da polícia civil contra o Serra, protestos dos sem- teto contra o Serra, protesto dos profissionais da saúde contra o Serra. Todos os protestos foram reprimidos pela PM com violência, truculência e autoritarismo, marcas registradas do Serra. Ele não quer diálogo com a sociedade, o que ele determina é lei e ponto. Se a população se sente prejudicada, vá reclamar com o bispo. Kassab era o vice que o Serra enfiou goela abaixo do povo com mentiras e propaganda enganosa.

Kassab, agora cria do Serra, já foi cria do falecido Pitta. Recentemente Kassab foi cassado por captação ilícita de recursos. Após recurso apresentado por seus advogados, a cassação foi suspensa até o julgamento no TSE. A população paulistana atingida pelas enchentes protesta diariamente contra Kassab. São pessoas que perderam tudo nas enchentes: móveis, roupas, documentos, casas. São pessoas que estão chafurdando no esgoto, na lama, com imenso prejuízo financeiro e moral. São pessoas que estão contraindo doenças nas águas das enchentes, como a leptospirose. A dengue também voltou com força em SP, na capital e no interior do estado. E o que eles fizeram por SP, que medidas Serra e Kassab tomaram para melhorar a vida das pessoas? Serra, por exemplo, determinou que a banana seja vendida por quilo e não por dúzia!

Já Kassab diminuiu o lanche das crianças nas creches, fechou vários albergues, diminuiu a varrição das ruas, aumentou o IPTU, aumentou a tarifa de ônibus. Serra foi na cola do Kassab e aumentou o Metrô. Kassab acabou com os ônibus fretados e as pessoas começaram a vir de carro para o trabalho, o que piorou muito o trânsito: tira um ônibus e coloca 40 carros circulando. Serra criou inúmeras praças de pedágio em SP, caríssimos, outro motivo de protesto da população de SP (só não entendo por que ele não vai às inaugurações). São Paulo teve um aumento imenso da violência, divulgado pela própria Secretária de Segurança. Assaltos, roubos, seqüestros, latrocínios. Quem fica em casa se cerca de cães e grades, rezando por aqueles que saíram para trabalhar e não sabe se voltarão: cada vez que o telefone toca, o coração vem à boca.

Diante da péssima gestão Serra/Kassa, diante de tantos protestos da população, fica a pergunta: será que o povo de São Paulo vai votar novamente em Serra/Kassab? Custo a crer, por mais que a FSP, Estadão, Veja, Globo e as demais revistas, jornais e canais de TV tentem encobrir os fatos.

Nenhum comentário: